Dores e Sintomas

O que Pode Causar Dor na Escápula Alada e como corrigir?

O músculo serrátil anterior se caracteriza largo, com origem em iniciais 9 costelas e se insere em superfície costal de escápula, pela sua borda medial.

E pode ter divisão nas 3 porções, a superior, a porção medial e a porção inferior.

A digitação inferior que tem inserção em ângulos inferior de escápula se mostra a mais importante.

A mesma desempenha função principal de músculos, que se resume fixação de escápula contra tórax em movimentos de ombro.

O músculo serrátil anterior se mostra inervado por nervo torácico longo.

Depois da paralisia de músculo serrátil anterior, a escápula possui tendência de deslocamento para trás, conferindo aspecto da asa, a escápula alada.

 

A deformidade da escápula alada não representa condição clínica de freqüência

remédio para dor na escápula

No ano de 1837, Velpeau, foi a primeira pessoa a reconhecer paralisia de serrátil anterior.

E pacientes reclamam da dor, desconforto, fraqueza, redução de mobilidade ativa de ombro.

Estes sintomas todos variam de acordo com gravidade de lesão nervosa.

Mesmo a lesão de nervo ciático longo sendo fácil de detectar em avaliação clínica, a etiologia e diagnóstico devem ter confirmação por eletroneuromiografia, que orienta também prognóstico.

Há muitas causas a esta lesão nervosa. A literatura aponta enorme variedade dos agentes de causa como infecção, traumatismo, complicação cirúrgica, exposição para frio, choque elétrico, esportes, entre mais.

 

Vários casos são da etiologia obscura

E a recuperação espontânea de nervo torácico longo pode acontecer e vários pacientes se tornam assintomáticos.

Já outros têm recuperação satisfatória de movimentos de ombro afetado, no entanto, ficam com determinada deformidade residual.

Sobre o tempo para se recuperar, varia dos 6 meses para 3 anos, e o prognóstico se caracteriza melhor quando a mesma acontece inferior a 6 meses.

O tratamento deve se apresentar conservador em iniciais estágios, de 6 a 12 meses, e procedimentos cirúrgicos apenas devem ser apontados em casos refratários apresentando incapacidade física ao esporte e trabalho.

Enorme variedade de tratamento cirúrgico tem sido abordada à substituição de músculo paralisado.

Há 3 procedimentos básicos, as transposições musculares, escapulopexia, e artrodese escapulo-torácica.

É em tratamento conservador que pilates aparece gerando resultados bons.

A atuar de modo a ativar equilíbrio em relação às cadeias musculares. Alongando tensionados músculos e a fortalecer os mais fracos.

O método procura reorganização de dinâmica muscular de cintura escapular, já que tal conjunto de músculos, articulações e nervos se resumem bastante instáveis por enorme variedade dos movimentos que têm.

A recomendação é que a pessoa com o diagnóstico da escápula alada tenha afastamento de modo temporário das atividades repetitivas, não carregar peso e do esporte.

 

E o pilates promove bem-estar

Dificilmente será encontrada uma pessoa que não chega cansada e estressada do trabalho, ou que necessita repousar em final do dia longo.

Isto pode ser prejudicial ao organismo, já que o estresse pode gerar muitas mais enfermidades como gastrite, depressão, dor de cabeça.

O pilates pode auxiliar em problemas emocionais gerando imenso bem-estar.

É exigida concentração e controle no momento de executar, deste modo as pessoas que têm problema de ansiedade são auxiliadas para ter um dia calmo, não muito agitado, com bem-estar desejado.

 

Vídeo | Como aliviar dor na escapula

https://youtu.be/mkhuoNwWepM

 

Veja também:

Deixe uma Nota para Este Artigo!

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 148

O que Pode Causar Dor na Escápula Alada e como corrigir?

Deixe um comentário